Top Ad 728x90

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

,

Universidade Federal do AC abre inscrições para pré-enem gratuito


A Universidade Federal do Acre (Ufac), por meio do Projeto de Extensão Med Aprova, abriu nesta terça feira (21), as inscrições para seleção de alunos interessados em ingressar no curso preparatório gratuito para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A atividade tem como público alvo estudantes do terceiro ano do ensino médio oriundos da rede pública de ensino.

Nesta edição, serão ofertadas 82 vagas para uma única turma. As aulas, que iniciam dia 20 de março, serão realizadas no período de segunda a sexta-feira, das 19h às 21h30; e aos sábados, das 9h às 11h, no auditório do centro de convenções da Ufac, em Rio Branco.

Segundo os organizadores, o projeto tem como objetivo possibilitar o acesso à educação, aumentando as perspectivas de ingresso em uma universidade. “Esse é, sem dúvida, o maior projeto do curso de Medicina. Para a gente, é muito motivador poder encontrar ex-alunos na fila do restaurante universitário ou em qualquer outro lugar da Ufac e ouvir um agradecimento sincero. É inspirador poder fazer parte da mudança de vida de famílias inteiras”, diz Juan Pablo Lima, estudante do oitavo período do curso de Medicina e integrante da equipe de execução do Med Aprova. “Além do trabalho, o estudo também possibilita dignidade. É isso que o Med Aprova mostra. Ao longo de todos esses anos, temos conseguido ampliar as condições de acesso a vários estudantes e, consequentemente, uma mudança de vida”, completa Augusto Mello, acadêmico do terceiro período do curso de Medicina e também organizador do projeto.

O pró-reitor de Extensão e Cultura, Carlos Paula de Moraes, ressalta que o projeto Med Aprova vem sendo potencializado, nos últimos dois anos, pela Proex. “O Med Aprova integra as ações do programa ‘Conhecendo a Ufac’. Esse programa é uma tentativa de diminuir a distância entre as escolas de ensino público e a Ufac com projetos como o Pré-Enem da Ufac e Pré-Enem Med Aprova”, explica o pró-reitor. “O Med Aprova está dentro da visão dos alunos do curso de Medicina, que atuam como tutores ou bolsistas nesse programa”.

Moraes diz que este ano o projeto poderá acontecer também no interior do Acre, é o Med Aprova Interior. “Estamos fechando uma parceria com as prefeituras dos municípios que querem receber o projeto. A contrapartida das prefeituras é disponibilizar um espaço, geralmente uma escola, e um tutor local que ficará responsável por divulgar a ação e incentivar os alunos; bem como prover hospedagem e alimentação ao tutor que irá da capital”.

Projeto – O Med Aprova é um projeto promovido por acadêmicos voluntários do curso de Medicina e professores voluntários, juntamente com a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (Proex), criado em 2009 por estudantes do curso de Medicina em conjunto com o professor Wagner de Jesus Pinto. O projeto tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento dos alunos da rede pública de ensino, promovendo a democratização do ensino superior, dando oportunidade de acesso à universidade a pessoas de baixa renda.

A metodologia do projeto inclui a oferta de aulas expositivas de todas as matérias competentes do ensino médio regular (português, física, química, matemática, biologia, história, geografia, redação e filosofia), além de aulas de reforço (monitoria), visando aperfeiçoamento do conhecimento adquirido no ensino regular e a, consequente, aprovação no Enem.

Este ano, pelo menos 14 aprovações pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) na Ufac estão sendo comemoradas através do projeto. São novos calouros em cursos como Enfermagem, Medicina Veterinária, Engenharia Agronômica, Ciências Biológicas, Engenharia Civil, Geografia, Medicina e Direito.

É o caso de Izabela da Silva Oliveira, 17 anos, que foi aprovada para o curso de Biologia na Ufac. Saindo direto da escola pública para a universidade, Izabela afirma que o curso foi seu principal reforço. “O Med Aprova me ajudou muito, principalmente com conteúdo que não vi na escola pública e aprendi no curso”, afirmou a estudante. “Os professores nos ajudam muito, com monitoria, corrigindo redação, eles sempre nos compreendiam e nos apoiavam e para mim, que não posso pagar um pré-enem particular, foi uma grande ajuda”.

Ex-aluna da Escola José Ribamar Batista, localizada na baixada da Sobral, Dhayn Cassie Freitas é, agora, caloura de um dos cursos mais cobiçados da Ufac. “Medicina sempre foi um sonho e o Med Aprova foi fundamental nessa conquista. Cheguei nas aulas e recebi reforço em todas as áreas, mas principalmente em química, física e biologia”, relembra. “Eu não entendia muito bem na escola e no curso todas as dúvidas foram sendo sanadas”, destaca a nova universitária que já planeja contribuir com o projeto. “Agora, quero poder ajudar outros estudantes como eu através do projeto. Vou separar um tempinho da rotina e desempenhar o mesmo papel que desempenharam pra mim”, garante.

Inscrições – Para concorrer a uma das vagas, os interessados podem se inscrever até o dia 15 de março, pela página do Med Aprova no Facebook (https://www.facebook.com/medaprovaufac). A inscrição é gratuita. As provas de seleção – 60 questões objetivas e uma subjetiva – estão marcadas para o dia 18 de março, no campus sede. As questões aplicadas abordarão interpretação de texto e lógica, além de conteúdos básicos das disciplinas de matemática, física, química, biologia, história, geografia, sociologia, filosofia e língua portuguesa. As vagas serão preenchidas com os candidatos que tirarem as 82 maiores notas. O critério de desempate levará em consideração a única questão subjetiva aplicada na prova. A divulgação da primeira chamada será feita no dia 19 de março através da página do projeto na internet.

Matrículas – Para os estudante selecionados, a matricula ocorrerá no dia 20 de março, às 19h no anfiteatro Garibaldi Brasil. Para consolidar a matricula, é imprescindível a presença do aluno juntamente com o responsável. No dia da matricula, o aluno deverá estar munido de cópia do RG do aluno e do responsável, comprovante de matricula na escola pública que cursa ou cursou o terceiro ano do ensino médio e uma foto 3×4. Os candidatos selecionados que não comparecerem para se matricular perderão a vaga, automaticamente. Não preenchida as 82 vagas, novas chamadas serão realizadas seguindo a sequência de desempenho na prova de seleção.

Top Ad 728x90