Top Ad 728x90

segunda-feira, 5 de junho de 2017

,

Acre celebra Encontro das Cadeias Produtivas no próximo dia 9

Anunciando grandes investimentos no setor agroflorestal do estado, o governo realiza o Encontro das Cadeias Produtivas do Acre. O evento será na próxima sexta-feira, 9, no Parque de Exposições Marechal Castelo Branco, pela manhã e no fim da tarde, e será finalizado com a assinatura de 29 planos de gestão, em frente ao Palácio Rio Branco.
Vão estar reunidas mais de 2.200 pessoas, representantes das diversas cadeias que estão sendo trabalhadas de forma estratégica, como borracha, castanha, piscicultura, suinocultura, mandioca e pecuária, entre outras.
Produtores de Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia, Capixaba, Senador Guiomard, Plácido de Castro, Acrelândia, Bujari, Rio Branco, Sena Madureira e Manoel Urbano estarão presentes no encontro, discutindo suas realidades.
As pastas de Extensão Agroflorestal e Produção Familiar (Seaprof), de Agropecuária (Seap), de Indústria, do Comércio e dos Serviços Sustentáveis (Sedens) e do Meio Ambiente (Sema), que formam o setor de economia sustentável, irão apresentar os investimentos que o governo está fazendo nessas áreas, além de assinatura de convênios com associações e debates.

Planos de gestão para o desenvolvimento

Após as rodas de conversa e troca de experiências, no Parque de Exposições, haverá a assinatura de 29 planos de gestão, totalizando um investimento de R$ 41,7 milhões, em frente ao Palácio Rio Branco.
A ação vai atender mais de 1.700 famílias que trabalham nas cadeias produtivas da castanha, borracha, fruticultura, suinocultura e pecuária leiteira.
Estão sendo contempladas atividades como cultivo consorciado de açaí e outras frutas, construção de unidades de engorda de suíno, além de melhorias no manejo da borracha e da castanha, entre outras proposições.
Esse investimento é mais um passo para a consolidação da economia de baixo carbono que o Acre desenvolve, promovendo desenvolvimento econômico e social para agricultores e extrativistas em todo o território.

Encontro de produtores

Desde 2011, os trabalhadores rurais das diversas cadeias produtivas têm realizado encontros para discutir avanços e desafios em suas atividades. A primeira grande reunião ocorreu em 2013, durante a inauguração da primeira etapa do Complexo de Piscicultura, em Rio Branco.
Na ocasião, os presentes puderam acompanhar de perto o nascimento de uma nova força na economia rural do estado, a produção e industrialização de peixes.
Além da abertura do Centro de Produção de Alevinos, foi comemorada a escavação de mais de cinco mil tanques.
Já em 2015, em Brasileia, durante a inauguração do frigorífico da Dom Porquito, houve o Encontro das Cadeias Produtivas do Alto Acre. Produtores de todo o estado fizeram parte de mais um passo para a consolidação da suinocultura na região.
Mais de um ano depois, os trabalhadores do campo se reúnem novamente para celebrar a evolução do setor produtivo do Acre, que teve um investimento por parte do governo do Estado de mais de R$ 500 milhões desde 2011.



Fonte: Agência de Notícias do Acre

Top Ad 728x90